CANAIS INTERATIVOS

NOTÍCIAS

05 de outubro de 2018

Alta, depois de 96 dias, é comemorada com muita festa

"Hoje vai ter uma alta!!!" Canta a equipe do HMTJ no ritmo do conhecido"hoje vai ter uma festa".
Não podia ter frase mais esperada pela menina Maria Fernanda, que ficou internada 96 dias na Pediatria do Hospital e Maternidade Therezinha de Jesus. Ela conquistou toda a equipe e também foi tocada pelo carinho de todos. Seus cartazes - que ela passou a manhã do dia 5 de outubro fazendo - dizem tudo. E a alegria do dia não parou aí. Ela também fez um passeio pelo shopping com a mãe e parte da equipe, realizando o que ela disse ser um sonho seu. Uma iniciativa que compõe o novo projeto do setor chamado HumanizaKids.  
A menina já estava esperando ansiosamente pela liberação para voltar para casa, mas comemorou muito a notícia, com direito a bolo e festa da equipe multidisciplinar. Para agradecer, ela cantou "Fico assim sem você", além de entregar os cartazes demonstrando sua gratidão: "Eu MARIA FERNANDA SENRA OLIVEIRA e toda a minha família gostaríamos de agradecer, principalmente, a Pediatria e a UTI Neonatal, e a todos os funcionários, diretores, médicos, fisioterapeutas, psicólogas, enfermeiros, auxiliares de limpeza e copeiras, que trabalham no Hospital e Maternidade Therezinha de Jesus que cuidaram de mim direta e indiretamente.; todos que rezaram por mim. Queria dizer que vocês tornaram grandes amigos, todos vocês foram anjos da guarda guiados por Deus, que me trataram com muito amor, carinho e paciência. Também peço desculpas por alguma coisa ou resposta que eu possa ter dado a vocês. Que Jesus abençoe a todos vocês e a suas famílias. Muito Obrigada, um forte abraço e um grande beijo. Amo muito a todos vocês".

 


A doença


Internada desde o dia 1º de julho por causa de complicações de uma doença chamada púrpura trombocitopênica idiopática, ela teve seu quadro agravado e precisou de uma cirurgia de retirada de baço, uma esplenectomia. Maria Fernanda precisou de um longo período de acompanhamento e continuará sendo assistida no ambulatório do hospital. A púrpura trombocitopênica idiopática é uma doença autoimune na qual os próprios anticorpos do organismo destroem as plaquetas do sangue, resultando numa redução acentuada desse tipo de células. Ainda não é conhecida a razão exata porque isso acontece e, por isso, a doença é chamada de idiopática. Nos casos mais graves, quando a doença não melhora com remédios, pode ser necessária a cirurgia para remover o baço, que é um dos órgãos que produz mais anticorpos capazes de destruir as plaquetas, que foi o caso de Fernanda.


HumanizaKIDS | Mais que um projeto, o HumanizaKIDS é um programa que sistematiza e registra as ações que estão no DNA da equipe do HMTJ, especialmente da de Pediatria, com uma relação que vai muito além da assistência aos (pequenos) pacientes. De aniversários comemorados com bolo, salgadinho e muita festa, atitudes como um banho de sol ou um passeio ao shopping reúnem o espírito do que essa equipe de um hospital 100% SUS, porém muito diferenciado de tudo o que existe no sistema tem como lema: "SE NÃO PODE FAZER TUDO, FAÇA TUDO O QUE PUDER".

 

   

Maria Fernanda fez um cartaz para a equipe da Pediatria, outro para todo o Hospital e passeou no Independência Shopping com a mãe, o enfermeiro, RT do hospital, Fernando Ribeiro, a enfermeira Octacília Nogueira - responsável pela Pediatria e unidade Neonatal, o enfermeiro Josias Silva, da Pediatria e Izabela Liguori, psicóloga do HTMJ. 

ASSINE A NOSSA NEWSLETTER

Para receber as últimas notícias e atualizações

(32) 4009-2277
Rua Dr. Dirceu de Andrade, n° 33, Bairro São Mateus,
Juiz de Fora - MG, 36025-140

VEJA ABAIXO COMO CHEGAR