CANAIS INTERATIVOS

NOTÍCIAS

06 de dezembro de 2017

Congresso de Segurança do Paciente reuniu grandes nomes da Saúde em JF

Sucesso de público e com alto nível de discussões, o I Congresso da Zona da Mata de Segurança do Paciente recebeu muitos elogios do público participante. Debatendo o tema mais atual na Saúde hoje, o evento foi promovido em conjunto pelo Hospital e Maternidade Therezinha de Jesus, Hospital Monte Sinai, Faculdade Suprema e Organização Social de Saúde HMTJ (OSSHMTJ). Nos dias 1 e 2 de dezembro, o Congresso reuniu mais de 170 participantes no auditório da Suprema com palestrantes de renome nacional para discussão do Programa Nacional de Segurança do Paciente, mudança de cultura e experiências de sucesso, bem como as dificuldades na implantação dos protocolos de Segurança do Paciente.  


Os profissionais do HMTJ participaram tanto do pré-congresso com a coordenadora do setor de Qualidade, Juliane Batalha, apresentando no painel Gerenciamento de Incidente, o Plano de Ação (5W2H). Apresentando a implantação dos protocolos, falaram Kleiton Vianelo, mostrando a importância da Identificação do Paciente, Fernando Cordeiro Ribeiro, com a Cirurgia Segura e Fabíola Vieira, mostrando o protocolo de Higiene das Mãos. Esta foi parte da programação do primeiro dia de evento que teve como ponto alto a palestra magna "Hospital do Futuro: Transparência e equipes bem treinadas", apresentada pelo cirurgião cardiovascular do Hospital das Clínicas de São Paulo, Omar Mejía. A abertura oficial do Congresso, iniciado dia 2, foi feita pelo Presidente do Conselho Deliberativo do HMTJ, José Mariano Soares de Moraes.


Um rico debate no Congresso foi iniciado na manhã do sábado, 2/12, com Cassiana Prates, com a palestra "Cultura pela Segurança do Paciente: uma utopia?". Acreditação foi o tema abordado pelo auditor da DNV-GL, Luiz Marzano; seguido pelo anestesiologista Augusto Takashima (de Florianópolis) que tratou do problema da segunda vítima, o profissional da Saúde. A manhã foi encerrada com uma mesa redonda que teve a médica Cristiane Marcos, responsável pelo Setor de Controle de Infecção Hospitalar do HMTJ, coordenando o debate sobre os desafios da implantação dos protocolos com o anestesiologista gaúcho Airton Bagatini tratando sobre Cirurgia Segura e o infectologista do Monte Sinai, Eduardo Siqueira, abordando a Sepse.


A tarde de sábado ainda contou com a apresentação do farmacêutico Mário Borges, de BH, que falou sobre Medicamentos. Ensino e Pesquisa do tema foram o tema da palestra da carioca Vera Marra, da Fiocruz. Uma mesa redonda, mostrando a experiência de implantação dos protocolos de Segurança do Paciente foi apresentado pelos principais hospitais de Juiz de Fora, Santa Casa, Albert Sabin, Monte Sinai e pelo HMTJ falou a enfermeira Adriana Villela. A palestra de encerramento ficou por conta de outro anestesiologista, do Hospital Sirio e Libanês de São Paulo, Enis Donizetti, que falou sobre o futuro da Segurança do Paciente no Brasil.

 

Veja todas as fotos do evento na Galeria de Fotos do site. 

ASSINE A NOSSA NEWSLETTER

Para receber as últimas notícias e atualizações

(32) 4009-2277
Rua Dr. Dirceu de Andrade, n° 33, Bairro São Mateus,
Juiz de Fora - MG, 36025-140

VEJA ABAIXO COMO CHEGAR